Eu não sou diferente... Os outros é que são muito iguais.

20090903

o_O

Vou ser DT.
Acho que a última vez que me calhou este cargo foi em 1998/1999.
Ui!

10 comentários:

teresa disse...

Posso passar a tratar-te por 'senhora directora'?:D

Vee disse...

hahaha ;)

teresa disse...

Cara Sra. Directora:

... eu ainda não sei se também virei a ser DT - é que em breve terei de 'congressar' e soube (não é provocação, garanto) que como estive de licença sem vencimento só regresso à escola mesmo para o início das aulas com direito a uns diazitos de férias... (ainda não vi o meu horário, mas podes tratar-me por 'delegada', graças às minhas colegas de grupo que me elegeram 'à revelia' e tiveram a amabilidade de me informar... estou a brincar, pois são 'boa vibe'):D

Vee disse...

Caríssima Sr.ª Delegada, que grande estucha. Mas antes delegada que DT ;) E só te elegeram por certamente reunires os requisitos :D Bom congresso e boas férias ****

velvetsatine disse...

Eu ainda não sei se vou ser como posso ainda afirmar, com a maior cara de pau, que (felizmente!!!) nunca fui! :-D

Bom trabalho!

Beijos

teresa disse...

Tks, Vee:)

teresa disse...

... ah! e também sou DT para a felicidade ser completa, 'yeees!' (delegada e DT) já nos podemos tratar mutuamente por 'sra directora,isto, sra directora aquilo' , estes cargos ficam sempre bem, dão estatuto!:D

Vee disse...

Que sorte, Velv ;)
Teresa, há pessoas que foram talhadas para exercer cargos como este, até os pedem. Eu não. Não é que não seja competente e profissional quando mo entregam, mas acho que passo bem sem eles. Eu gosto é de abrir cabeças, não de dar nas orelhas... hihi Mas acho que vou gostar de dar Formação Cívica. Estou com imensas ideias para a interculturalidade... Se quiserem os meus rascunhos, eu passo. Beijos.

teresa disse...

A interculturalidade é uma temática que me interessa mas como aluna, não como professora, Vee.

A minha direcção de turma só tem um aluno ucraniano, os restantes são bem portugueses (embora me tenha parecido que o aluno estrangeiro é exemplar e muito interessado, encontrando-se integradíssimo)... é que a minha escola é pouco intercultural, penso que a explicação principal será a de na zona não existir muita oferta de emprego (pelo contrário, muitas unidades industriais estão a fechar):(

Vee disse...

Acho que não posso dizer o mesmo da minha escola deste ano, que - por si - deve ser quase sinónimo de multiculturalidade ;) E da minha "experiência" actual de aluna (Gestão de Conflitos na Escola e Educação & Sociedade), estou a retirar aquilo que penso ser a yellow brick road até à escola intercultural. Vamos ver... :)